Pesquisa faz Alerta sobre Cuidadores de Idosos

Pesquisa faz Alerta sobre Cuidadores de Idosos

por Residencial Santa Cruz em 11/05/17

Trabalho realizado pela Universidade de São Carlos, em parceria com a Universidade de Campinas, revela que mais de 76% dos acompanhantes de idosos mostraram algum nível de fragilidade, quando com idade superior aos 60 anos.


Pesquisa faz Alerta sobre Cuidadores de Idosos

Trabalho realizado pela Universidade de São Carlos, em parceria com a Universidade de Campinas - ambas no interior do Estado de São Paulo, e também pela Universidade de São Paulo, a USP - revela que mais de 76% dos acompanhantes de idosos mostraram algum nível de fragilidade, quando com idade superior aos 60 anos.

Perda de peso, fadiga, baixa força, diminuição da velocidade de caminhada são alguns dos pontos apontados na pesquisa que dificultam um idoso a cuidar de outro.

A enfermeira Bruna Luchesi – responsável pela pesquisa – também avaliou a capacidade cognitiva desses cuidadores. Ela apresenta como exemplo a situação em que o cuidador tem algum déficit de memória. Ele pode esquecer de dar o remédio para o idoso sob seus cuidados, o que pode provocar sérias consequências.


 Compartilhe esse artigo com seus amigos:

Deixe seu comentário

0
TOTAL
0
TOTAL